Fantasias para cachorros no carnaval

Untitled-2

A hora do passeio é uma parte essencial da rotina de quem tem um cão. É no passeio que proporcionamos ao dog o gasto de energia de que ele precisa para, por exemplo, não ficar estressado e acabar destruindo a casa ou apresentando comportamento agressivo. Já diziam os cachorreiros: “cachorro cansado é cachorro feliz”. Dessa responsabilidade não podemos fugir nem no Carnaval. Então, que tal aumentar sua diversão com essa atividade entrando no clima e fantasiando seu cachorro? Aposto que vocês farão sucesso — principalmente se toparem com um bloco ou festa de rua. Confira algumas sugestões de fantasia!

 

Fantasia de personagem

Super-Homem, Mulher-Maravilha, Mickey, Minnie, Batman, Minion, Branca de Neve, Homem-Aranha, Yoda, Darth Vader, Ewok, Harry Potter, Dorothy, Chapeuzinho Vermelho, Drácula, Pikachu, Totoro… Uau! Qual o seu personagem favorito? Exibi-lo em seu cachorro pode inclusive favorecer o encontro com pessoas com interesses em comum. ;)

Fantasia de outros animais

Dinossauro, abelha, leão, joaninha, tartaruga, tubarão, aranha, vaca, panda, urso, sapo, coelho, pato, carangueijo, galinha, cavalo de corrida, zebra… Ah! A deliciosa ironia de fantasiar seu cachorro de outro animal.

Fantasia de personalidades famosas

Marilyn Monroe, Bob Marley, Carmen Miranda, Katy Perry, Elvis Presley, Lady Gaga, Michael Jackson… É importante que o “cerumaninho” que inspirou a fantasia tenha uma caracterização marcante!

Fantasia de profissões… y otras cositas más

Bombeiro, enfermeiro, palhaço, marinheiro, bailarina, policial, soldado, presidiário (opa!), pirata, estrela do rock, rei, chef de cozinha, médico, padre, mágico… O que seu cachorro quer ser quando crescer?

 

Use e abuse da sua criatividade e divirta-se, afinal… é Carnaval!

 

(Todas as sugestões de fantasia estão disponíveis, entre muitas outras, no mercado brasileiro, inclusive em lojas on-line.)

 

Apaixonada pela literatura, pelo objeto livro e por cada etapa de sua produção, cursa graduação em Letras na UERJ, onde promove iniciativas de capacitação para o mercado editorial para aqueles que compartilham do mesmo sonho: viver de fazer livro.